Existem algumas regras importantes para a construção de uma residência em condomínios fechados.
Fique por dentro do assunto e fuja de problemas futuros.

 

Vemos muitos loteamentos de condomínios residenciais sendo implantados em nossa região e acreditamos que morar neles tem algumas vantagens. Privacidade, conforto, espaço, segurança, lazer e qualidade de vida são algumas destas vantagens. Quando eles estão próximos dos centros urbanos, das cidades, a atratividade em morar em condomínios aumenta, pois se agregam os serviços disponíveis como padaria, açougue, supermercado, farmácia e hospital.

Loteamento residencial fechado

Assessoria Profissional

Aos que pretendem iniciar a vida familiar ou dar continuidade a ela morando em condomínios fechados, aponto algumas dicas importantes antes de colocar seus planos em prática. A primeira delas é entrar em contato com o seu arquiteto para solicitar uma assessoria profissional. Um bom planejamento de sua obra é um passo importante para que possamos diminuir as chances de problemas indesejados. O arquiteto é o profissional responsável pela elaboração do projeto arquitetônico, e possui a capacidade técnica de conduzir todo o processo até a entrega das chaves, ou seja, desde o projeto inicial até a obra acabada. Com o arquiteto você consegue economizar na obra além de valorizar seu patrimônio!


Assessoria profissional do arquiteto faz a diferença. Economia e valorização do patrimônio.

Regulamento Interno de edificações

Em todos os condôminos fechados existem regras básica para a construção da residência, instituídas geralmente nas restrições convencionais e no regulamento interno de edificações. Cada condomínio possui regras específicas e seu arquiteto tratará de estudar estas regras a fim de iniciar o seu projeto dentro das normas estabelecidas pelo condomínio. Muitos podem achar isso um empecilho ou uma barreira para o desenvolvimento de um projeto diferenciado, mas sabemos que a padronização das construções é o que torna o condomínio atrativo e viável. Além disso, com criatividade, o seu arquiteto conseguirá construir uma casa do seu jeito e dentro das regras do condomínio.


O estudo de toda a documentação é fundamental para evitar problemas futuros.

Recuos e limites

Uma das regras básicas presente em todos os condomínios é em relação aos recuos da edificação. Dimensões de frente, fundo e lateral deverão ser observadas para que o projeto seja aprovado. Além disso, estes recuos garantem privacidade e conforto a edificação, ou caso contrário teríamos uma residência muito próxima da outra, gerando desconforto acústico, de ventilação e insolação.


Regras urbanísticas visam a segurança e padronização do loteamento

Altura da edificação

Outro ponto importante é em relação à altura das edificações. Após observar qual o limite de altura estipulado pelo regulamento interno de edificações do condomínio, o arquiteto poderá apresentar opções e soluções para o projeto arquitetônico, de forma que este fique esteticamente agradável e valorize o seu imóvel. O limite de alturas também visa padronizar todo o loteamento, criando uma unidade visual e uma harmonia na paisagem construída.


O limite de alturas, unidade visual e harmonia da paisagem urbana.

Gerenciamento da obra

Na execução das obras também existem pontos importantes a serem observados. Como a obra naturalmente gera impacto no ambiente, é necessário que seja feita a estrita observação das regras para as obras, a fim de não prejudicar e atrapalhar a vida da comunidade. Armazenamento de materiais, limpeza da obra, o uso das calçadas, localização e uso das caçambas, são alguns dos pontos a serem observados, dentre outros.
 


Controle, organização e planejamento de obras

Instalações prediais

As redes de água e esgoto também merecem atenção especial durante a concepção do projeto e na sua execução. Identificar os padrões de ligação, a localização das faixas de ligação e suas dimensões são atribuições do seu arquiteto. Ele deverá prever no projeto todos os pontos destinados às instalações prediais, ou seja, aos pontos de água, esgoto e também de águas pluviais. É importante a verificação deste item em projeto para que não tenha problema durante a obra.


Instalações prediais. Seu correto dimensionamento evita dores de cabeça.

Conclusão

Enfim, sabendo que o investimento para a realização de um sonho, como a construção de uma residência para moradia de sua família, é de grande importância, seria imprudente não ter uma orientação profissional competente para este empreendimento de vida. No fim de todo o processo você perceberá que com a assessoria de um arquiteto você pode concretizar o seu sonho, valorizar seu patrimônio, economizar na construção, sendo um excelente custos/benefício.


Assessoria técnica de um arquiteto é fundamental para sua obra.